Adquira sua passagem de ônibus

Origem
Destino
Partida
Retorno
(Opcional)

Jardim Botânico RJ – Ingresso, Horário de Funcionamento e Atrativos!

Chafariz no Jardim Botânico

O Jardim Botânico criado em 1935, é um dos lugares mais incríveis do Rio de Janeiro – e que merece ser visitado pelo menos uma vez durante sua passagem pela cidade maravilhosa. Cercado pela Mata Atlântica, ele reúne mais de 54 hectares de floresta nativa, além de espaços para trilhas, piquenique e museus.

No texto de hoje, vamos falar um pouquinho sobre o que você vai encontrar no Jardim Botânico do Rio, o que poderá fazer em um dia todo explorando o local e traremos também algumas dicas para curtir de maneira saudável e tranquila. Confira abaixo!



Onde fica o Jardim Botânico do Rio de Janeiro e como chegar até lá?

Escultura no Jardim Botânico Fonte: Viagemeturismo

O Rio de Janeiro é uma cidade grande, com dezenas de bairros e lugares para conhecer. O Jardim Botânico fica na Zona Sul, perto do Cristo Redentor, da Vista Chinesa e outra atrações turísticas.

Quem sai da Rodoviária Novo Rio, pode pegar um ônibus na Rua Francisco Bicalho, o 112, e descer direto na Rua Jardim Botânico 1008 ou 665, dependendo de onde seu ônibus passar. De lá, é só caminhar um pouquinho até o Jardim.

Atrativos do Jardim Botânico – O que fazer para curtir o dia?

Com centenas de espécie de plantas, o Jardim Botânico do Rio é um dos lugares onde a mata atlântica está mais preservada na cidade e até mesmo no Brasil. Seu dia provavelmente começará no Centro de Visitantes, onde é bacana pegar o mapa gratuito para não se perder nas trilhas e ruas.

O valor do ingresso é de R$15,00, com meia entrada para estudantes e gratuidade para crianças de até cinco anos.

Vamos a um roteiro interessante para quem vai passar o dia por lá!

1 – Curtir a Vegetação local

Palmeiras do Jardim Botânico Fonte: Flores e folhagens

O primeiro passeio será simplesmente curtir o clima e a natureza do Jardim Botânico. Repleto de plantas, como as Palmeiras Imperiais, que chamam a atenção de longe, a reserva da biosfera do país tem uma parte no local.

Além das Palmeiras Imperiais, outras plantas típicas, como a Palmeira-laca estão presentes nas trilhas e na rua jardim, onde a sensação é caminhar entre a floresta.

Vale a pena apenas passear e apreciar a natureza de pertinho. Aproveite, quem sabe, para fazer um piquenique gostoso nos banquinhos.

2 – Conhecer a Fábrica de Pólvora

Fábrica de Pólvora Fonte: Wikipedia

O então príncipe Dom João VI, no ano de 1808, ordenou a construção de uma fábrica de pólvora dentro do jardim botânico. O espaço agora se tornou um museu bacana de visitar e entender como funcionava esse fabricação, com direito a fotos e explicações de guias locais. Vale a pena dar uma passadinha e ver de perto os antigos locais utilizados para o processo!

3 – Passear no Jardim Japonês

Ponte no Jardim do Japonês Fonte: Olhar de viajante

Sem dúvidas, conhecer o Jardim Japonês é algo que merece estar em seu roteiro durante o passeio no jardim botânico do Rio. Criado com o intuito de trazer mais união entre os povos japoneses e os brasileiros, o local é também um centro de pesquisa de bonsais e plantas típicas do Japão.

4 – Conhecer o Espaço Tom Jobim

Espaço Tom Jobim Fonte: Fortes Figueiredo

Outro lugar legal para visitar durante o seu passeio é o Espaço Tom Jobim, construído em homenagem ao cantor e compositor, que sempre demonstrava em suas músicas o amor que sentia pelo Rio e pela natureza carioca.

Além de fotos e itens históricos, nele há um teatro incrível com 378 lugares, localizado na rua Jardim Botânico. O espaço respira arte e merece pelo menos algumas horinhas para ser apreciado sem pressa.

Visite o teatro e, se puder, passe também pela galeria de artes, que conta com dezenas de obras, fotografias, letras de músicas originais e outros itens incríveis!

5 – Passear pelo Museu do Meio Ambiente

Museu do Meio Ambiente Fonte: Até onde eu puder ir

Por fim, a dica é passear pelo Museu do Meio Ambiente, que sempre tem exposições de artistas renomados, como Portinari, por exemplo. O Museu em si já é uma verdadeira obra de arte: preservado no estilo colonial da época, ele mantém a tradição e chama a atenção de longe.

Vale a pena entrar no site oficial e descobrir quais são as exposições que estarão por lá durante seu passeio pelo Rio. Mesmo que seja algo que você ainda não conheça, é bastante interessante passar pelo Museu mesmo assim para conferir a arquitetura e o clima do local.

São tantas coisas para ver no Jardim Botânico, por isso, temos certeza de que você deve ficar pelo menos um dia inteiro por lá! Aproveite para lanchar em um dos banquinhos, curtir com calma o clima e se apaixonar por cada cantinho do espaço!

O que é importante levar para o passeio?

Agora que você já sabe o que fazer pelo Jardim Botânico do Rio, vamos fechar esse texto com algumas dicas de coisas essenciais para levar em uma mochila durante o seu passeio. Anote:

  • Água, especialmente em dias quentes. Não esqueça de comprar uma garrafinha térmica.
  • Lanchinhos leves para reabastecer durante o dia.
  • Protetor solar para repassar a cada duas horas.

Gostou das dicas de hoje? Compartilhe nas redes sociais com seus amigos!